Queridos Joinvilenses!

Cheguei em Joinville na quarta à noite!
Desde então, foi uma correria….adorei a recepção calorosa…rs
Meu aníver foi muito legal em SP! Durante o dia realizei um trabalho que estava com muita vontade de fazer, assim que estiver nas bancas eu aviso aqui no blog. A noite tive aquele jantar, com uma pessoa muito agradável, que como já contei, conheci quando estava fazendo show aqui em Joinville, nas vésperas do meu aníver do ano passado. Fomos num Japonês maravilhoso, que eu adoro. O jantar foi regado a muito vinho Húngaro, uma delícia por sinal, e o resto eu não conto,rsrrssr…
Pretendo ficar em Joinville até dia 19/09, pois dia 20/09 já fechei um contrato de show, por aí….

Olá queridos!

Meu retorno à Joinville amanhã será corrido, pois chego pela manhã e a tardinha já embarco para SP.
Fechei um contrato para um trabalho muito legal em SP, logo contarei todos os detalhes.
Acredito que no máximo até quarta pela manhã, eu esteja em Joinville cheia de novidades!
Ahhh..para quem não sabe terça é meu aniversário! Rsrsrs..no ano passado eu passei meu aniversário no Dreamcam até o final da tarde e a noite tive um jantar de comemoração, com uma pessoa muito especial que conheci em Joinville, na boate onde faço show..Este ano, estarei novamente fazendo um trabalho como modelo em SP e a janta certamente será com essa mesma pessoa…mas não fiquem com ciúmes, pois nossos encontros e jantares são esporádicos, apenas quando vou a SP, pois é lá que ele mora!! Certamente vocês saberão de maiores detalhes, em breve, porque essa história vai para os contos!!!
Beijos para todos!

Olá, meus queridos!
Amanhã terei que deixar Joinville…mas retorno dia 29/08.
Vou para a cidade de Rio Grande no Extremo Sul do RS!
Farei shows de Dança do Ventre com Striptease, de segunda a sexta, nesse período na Boate Josephine House!
Quem estiver na cidade não deixe de conferir, o show realmente vale assistir e quem desejar, pode solicitar minha companhia através da proprietária da boate ou direto no meu celular 051 8130 6769.
Durante o dia, quem desejar uma acompanhante em Rio Grande, o atendimento é possível no próprio flat onde estou hospedada!
Acho que a notícia já está circulando na cidade…pois hoje já recebi alguns telefonemas e achei muito legal!
Serão 15 dias de muita Dança do Ventre, adoro!!!

Luana, era uma mulher com formação superior e uma renomada bailarina de dança do ventre.
Por esse motivo, foi contratada para um simples show de dança do ventre, numa noite Árabe, esse show era em lugar diferente, onde Luana nunca havia pisado: Uma boate, bem conhecida em Porto Alegre.
A proprietária contratou Luana e outra bailarina. Elas até se conheciam de eventos de dança do ventre. Talvez Luana tivesse algo de diferente naquele momento, pois estava passando por dificuldades financeiras, devido a desvalorização de sua profissão. Ela não se conformava que depois de tanta dedicação, viveria sempre com o dinheiro contado.
Luana tinha sonhos e pensava no futuro. Era difícil fazer planos para o futuro com seu salário.
Diferente da história da maioria, Luana veio de uma família com recursos, sempre estudou em bons colégios, fez faculdade e tinha uma boa situação financeira.
Após o falecimento de seu pai, tudo mudou, a família perdeu os bens e as dificuldades apareceram. Ela ainda teve por um tempo, um namorado que a ajudou muito, ficaram grandes amigos após o fim do namoro. Mas, enfim, ela tinha que ir atrás de seus sonhos, e isso era uma tarefa somente sua.
Naquela noite ela estava muito inspirada, como em todas as suas apresentações, a dança do ventre sempre foi sua forma de se expressar… No camarim, quando se deparou com a outra bailarina, as duas pediram quase que ao mesmo tempo para nenhuma comentar que viu a outra naquele local. Mal sabia Luana do que estava por vir…
A proprietária da boate, pediu que Luana ficasse no balcão aguardando sua apresentação que seria somente depois da outra bailarina.
Até hoje ela não entendeu se aquilo foi proposital, pois Luana tinha um corpo muito bonito e esbanjava sensualidade, talvez porque a dança mexia com seu corpo e aguçava seus sentidos. Ela também gostava muito de se sentir desejada, isso a excitava…Luana sempre foi uma mulher “a flor da pele”.
Lembro-me até hoje que ela estava com um vestidinho vermelho simples, mas sensual. Era dia 07 de dezembro de 2009.
Luana foi para o balcão, sentou-se e ficou bastante envergonhada por estar ali, naquela situação. Passou a observar tudo, as garotas trabalhando e os clientes em busca de sexo, prazer e diversão.
Não demorou muito para que um “cliente” viesse conversar com a doce Luana. O estranho foi que ele era realmente bonito, interessante e muito gentil. Realmente não era esse tipo de homem que Luana esperava encontrar numa boate.
Logo, ela esqueceu onde estava e eles pareciam que estavam se conhecendo num barzinho, ou algo parecido. Ele ofereceu o famoso “drink” que hoje Luana conhece bem. Ela nem sabia se deveria aceitar, mas ele insistiu!
Ela realmente não queria atrapalhar as meninas que estava ali para atender os clientes. Afinal, ela estava ali apenas para fazer seu show e nunca mais voltaria naquele lugar. Só que o destino reservava outro caminho para Luana.
O papo com o rapaz estava agradável e já “tontinha” com a bebida, tentava explicar que e estava ali apenas para fazer o show, mas acho que teve uma parte disso que ele não entendeu..
Logo estava oferecendo um cachê para Luana “subir” com ele. Como assim “subir”?O valor era realmente considerável e suficiente para aliviar suas contas do mês. Ao mesmo tempo que ela ficou assustada com a objetividade dele, pensou em tudo ao mesmo tempo. Enquanto ela ainda pensava, eles acabaram na cama,nos aposentos da boate!
Ele a beijava com uma necessidade, urgência, desejo, algo diferente que a deixou louca…depois de muitos beijos, Luana sentia um tesão que nunca havia experimentado, sua calcinha estava toda molhada. Ela pingava enquanto ele arrancou sua calcinha e a chupou, chupou, muito! Ela só conseguia gemer, se contorcer e segurá-lo para que não parasse.
O orgasmo veio naturalmente em instantes ,o rapaz só dizia:
  • Goza vai goza na minha boca,estou carente, quero te dar prazer..
    Foi o suficiente para ter um orgasmo cheio de emoções jamais experimentadas..
Quando saíram do quarto, estavam atrás da dançarina do ventre. Estava na hora do seu show!